segunda-feira, 1 de abril de 2013

Cmt Geral da PMRN disse que irá apurar denúncia após uma barreira do GTO do 10º BPM ter acabado após abordagem a dois vereadores de Janduís

Espero que a corda não arrebente no lado mais fraco dessa vez.












O Comandante Geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, Coronel Francisco ARAÚJO respondeu em seu Blog, que está apurando um fato narrado por Policiais Militares, que teve uma barreira policial encerrada após a abordagem a dois vereadores da cidade de Janduís, médio-oeste Potiguar. Uma pessoa identificada por "militar" fez a pergunta ao Comandante e ele de pronto respondeu dizendo: "o fato já esta sendo apurado e no final iremos julgar".

RELEMBRADO O FATO:

No dia 15 de março, cerca de 10 homens do GTO (Grupo Tático Operacional) do 10º BPM realizava uma operação de barreiras itinerantes no médio-oeste no intuito de apreender drogas, armas e veículos roubados na BR 226. No retorno que dá acesso a cidade de Campo Grande e Janduís, abordaram dois vereadores de Janduís que vinham em um veículo, que ao serem parados, os vereadores se identificaram como parlamentares, porém a abordagem policial continuou.

Ofendidos pela continuação da abordagem, o vereador Jozenildo Morais efetuou uma ligação para um Coronel da PM e poucos minutos após mandou encerrar a barreira. Cerca de 5 minutos depois do GTO ter saído de um novo ponto (Triunfo Potiguar), aconteceu uma tentativa de roubo entre Jucurutu e Triunfo e os bandidos passaram justamente onde os PMs deveriam estar.

Em nota, o vereador Jozenildo Morais confirmou ter sido ele o responsável pela ligação, porém disse jamais ter pedido para encerrar a barreira policial.

O Cmt Geral deverá instaura uma sindicância para apurar se houve algum tipo de crime no fato e adotará as medidas cabíveis na situação.

Fonte: GTO Assu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares